Experiência: Você

Toques do relógio, 
O ponteiro nunca volta.
Precisamos aprender,
com os erros arquivados.
Se algo é culpado,
Destino nós chamamos.
Até as correntes se quebrarem,
Vou mergulhar em você 
E se isso é um erro
Prenda-me, mas deixe-me tentar.
Você me sente agora?
No quebra cabeça
você é a chave
Um beijo surgiu,
das caricias,
Intensidade,
meu corpo você sentiu.
Vontade áspera,
Palavras molhadas
Desejos concretos.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s